domingo, 20 de abril de 2014

Oncidium Aloha e Sweet Sugar: Dicas de cultivo da Chuva-de-ouro e de fixação em tutor vivo.

Aloha
Há alguns meses estou transferindo as minhas orquídeas para a casa nova.
Algumas Phal e Laelia Já foram transplantadas ao longo dos últimos 6 meses.

Agora é a vez das minhas Oncidium.

Hoje vou falar sobre a sweet sugar (doce açúcar). Assim como todas as Oncidium de cor amarela, ela também conhecida como chuva-de-ouro. Esse apelido se deve as lindas e abundantes flores em tom de amarelo-vivo.

A Sweet Sugar necessita de cuidado similar ao da Oncidium Aloha e ao da Sharry Baby (Chocolate). Então o que eu postar aqui, vale para as três.


É preciso entender que o grupo Oncidium possui mais de 400 espécies, então é impossível dar dicas que sirvam a todas elas.

Para facilitar o entendimento, digamos que as Oncidium podem ser divididas e 4 grupos:
- Um grupo seria daquelas que precisam que o substrato fique completamente seco entre as regas.
Sweet Sugar
- O outro grupo, em que o substrato precisa estar sempre sendo mantido ligeiramente úmido.
- O terceiro adora umidade e por isso o substrato deve estar sempre úmido, não havendo momentos de substrato seco ou quase seco.
- O último grupo, seria daquelas que precisam alternar períodos secos e úmidos.
Sem contar que existem diferenças de temperatura, exposição ao sol, tolerância de frio...

Então, as dicas que coloquei aqui, serve para essas três lindas espécies Oncidium (Sweet Sugar, Sharry Baby e Aloha) e não para todas, hein!


Vamos lá!

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Minha orquídea está desidratada! E agora?

Aqui no blog, eu expliquei o principal motivo para uma orquídea ficar desidratada. Se você não leu, clique AQUI.
É o caso da sua orquídea?
Então você precisa saber o que fazer quando isso acontece.
VAMOS LÁ!

PASSO-A-PASSO 
RECUPERANDO UMA ORQUÍDEA LEVEMENTE DESIDRATADA

1 - A primeira coisa é retirar a orquídea do vaso.
Você fará uma limpeza nas suas raízes. Por isso, retire todo substrato que estiver preso em suas raízes. Para ajudar, você pode regar bem o vaso antes de removê-la.
------------------------------------------------------------------------------------------
O substrato pode ser reaproveitado?
Se ele tiver menos de um ano, sim!
Os substratos duram em média 2 anos, mas não aconselho você reaproveitar substratos com mais de um ano, porque você terá que replantá-la mais rápido.
O substrato precisa ser trocado porque com o tempo ele fica ácido e como está se deteriorando, também retém mais úmidade.
------------------------------------------------------------------------------------------

2 - Lave bem as raízes e retire aquelas que estão com coloração marrom escuro.
------------------------------------------------------------------------------------------
Ah! O motivo pelo qual a gente deve eliminar as raízes ruins é porque elas não servem mais e se ficarem no vaso, só servirão para dificultar a eliminação da umidade e prejudicar a aeração.
------------------------------------------------------------------------------------------

terça-feira, 8 de abril de 2014

Dicas de Cultivo: Orquídea Beallara Tahoma Glacier (Cambria)

Antes de começar a falar sobre a minha orquídea, achei importante ressaltar que ela é conhecida também como Cambria. 
Cambria não é um gênero, mas sim uma forma como é comercialmente chamada a orquídea híbrida resultante do cruzamento entre Brassia, Cochlioda, Miltonia, Oncidium e Odontoglossum.

Após algumas consultas, já que eu ganhei e ela não veio identificada, descobri que a minha é Beallara Tahoma Glacier "green". 

Beallara é uma orquídea de crescimento vigoroso e a primeira florada acontece entre 1 e 2 anos.

As flores tem em média 9 cm de altura.

É de fácil cultivo e indicada para iniciantes, pois não é muito exigente. São necessários apenas alguns cuidados: