quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Minha Phalaenopsis: abundante sistema radicular.

Para quem ainda não sabe, esse ano eu mudei de casa.
Aos poucos estou trazendo minhas orquídeas que acabaram tendo que ir para a casa da minha mãe até minha casa ficasse pronta.
Aos poucos estou colocando elas em ordem. rsss
Comecei a montar o orquidário, mas como não tem muito espaço e tenho muitas orquídeas, muitas foram transferidas para as palmeiras dendezeiros que já tinha no terreno.
Queria compartilhar com vocês uma que transferi de um tronco seco.

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Cattleya intermedia

Conheça detalhes sobre a Cattleya intermedia, espécie que encanta os colecionadores

Cattleya intermedia consta como uma das Cattleya mais apreciadas e cultivadas no Brasil. Motivos para isso não faltam. Além de ser nativa do Sul do País, apresenta uma grande variedade de formas e cores, sendo há décadas alvo contínuo de melhoramentos genéticos.

É encontrada naturalmente desde a Região dos Lagos no Rio de Janeiro, passando pelos estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Vegeta principalmente no litoral, adentrando pelo interior até determinadas altitudes onde o frio impede seu avanço. "Estranhamente, a costa paranaense não foi povoada por esta espécie, o que constitui uma intrigante curiosidade", comentam Pedro e Lígia Holderbaum, proprietários da Flora Holderbaum, de Joinville, SC. 

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Mais sobre adubação: Qual época de usar cada adubo?

Essa matéria foi inspirada no comentário de uma leitora, no post "saiba mais sobre: adubação". Se você ainda não leu, é só CLICAR AQUI.


Dúvida de leitora:
"... já li aqui que quando a orquídea acabar de florescer devo usar o adubo de crescimento. Mas até quando devo usar o adubo de crescimento? E posso usar o adubo de manutenção junto com os adubos de floração e de crescimento? Ou não precisa? ..."





Em geral, quando uma pessoa é iniciante no cultivo, o conselho é começar a adubação após a queda das flores. 
Isso  para evitar que você precise ficar olhando sempre a planta para ver se ela está na fase de crescimento. 


Só que a verdade é que a orquídea (exceto as do gênero Vanda - que deve ser adubada sem interrupção) só vai absorver o adubo se estiver fora do período de repouso.

Deixa eu explicar melhor...