quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Como cultivar Dendrobium thyrsiflorum, aggregatum, lindley, nobile, pendulum, chysotoxum...?


Essa postagem é sobre o Dendrobium thyrsiflorum, mas as dicas também são válidas para outras espécies de Dendrobium, como: Den. acinaciforme, aduncum, amoenum, aphyllum ou pierardii, chrysotoxum, densoflorum, draconis, agregatum ou lindley, nobile, pendulum ou crassinode...


Dendrobium thyrsiflorum. "52 cachos"

Recebi uma dúvida, de uma leitora do blog, sobre o cultivo do Dendrobium thyrsiflorum.
Como é um Dendrobium que não é muito fácil de cuidar e precisa de alguns cuidados específicos, resolvi fazer uma postagem sobre o seu cultivo.
Espero que ela ajude outros amantes de orquídeas!


A orquídea Dendrobium thyrsiflorum, de origem do sudoeste asiático,  chama atenção pela abundante quantidade de flores e pelo seu rápido crescimento e entouceiramento.
Mas seu cultivo não é tão simples e precisamos ficar atento a algumas dicas para que ela tenha um bom desenvolvimento.



CLIMA, TEMPERATURA: 
O clima ideal para seu cultivo é ameno/temperado.
Este Dendrobium é originário de regiões com estação de chuva e de estiagem. Saber disso é importante para que possamos tentar fazer o nosso cultivo o mais próximo possível do seu habitat.
Nas épocas de chuva o clima é mais quente, com a temperatura média em torno de 25° C.
Já nas épocas de estiagem, o clima é mais fresco, com temperatura média de 19°C no início do período. Já de em meados ao fim do período de estiagem, as temperaturas são um pouco mais elevadas.
Sua floração acontece no fim do inverno e para florir, ela precisa de uma queda de temperatura nesta estação.


VENTILAÇÃO:
Esta espécie, assim como grande parte do gênero Dendrobium, precisa de muita ventilação.
Algumas vezes é recomendado, inclusive o uso de ventiladores para auxiliar no processo de secagem das raízes.



ÁGUA:
A rega deve ser dividida em duas fases e uma fase preparatória, de acordo com os períodos da planta (crescimento, repouso e início da fase do crescimento).

Fase de crescimento:
Esta fase é marcada pelo surgimento de novos brotos e novas raízes.
Na fase de crescimento, é importante que ele receba generosa quantidade de água no início da manhã, mas que no fim da tarde as raízes já estejam secas ou quase secas. Para isso, você precisa procurar um lugar de boa ventilação ou até mesmo usar um ventilador.
A quantidade de rega é maior nesse período, porque a planta absorve mais água do que no período vegetativo, com isso o substrato secará mais rápido.
Atenção! Antes de receber mais água, as raízes precisam estar sem umidade, se estiver com dúvida sobre molhar ou não, é o que eu sempre digo: Deixe mais um dia sem aguar!

Fase de repouso:
Quando os pseudobulbos estão desenvolvidos, entra a fase do repouso, geralmente entre o fim do verão e o outono.
A quantidade de água absorvida será menor do que na fase de crescimento.
Nos primeiros 3 meses do período vegetativo, o ideal é que o vaso fique bem seco até 7 dias após a rega, e que fique seco por alguns dias até que receba água em grande quantidade (para encharcar a planta) novamente.
Passado os 3 meses iniciais do período vegetativo, a água deverá ser cortada, pois ele não suporta raízes molhadas nos dias mais frios do inverno. O máximo é utilizar um pulverizador em dias espaçados.
Apesar de não receber rega, a umidade do ar deve ser elevada. (entre no site do clima tempo e veja a umidade relativa do ar na sua região, isso ajudará)
Para ajudar a manter a umidade no ambiente de cultivo, você pode manter vasos de bromélias no mesmo local onde seu Dendrobium thyrsiflorum está, e também umedecer o chão.

Inicio da fase de crescimento:
Como ela ficou muito tempo na estiagem, é preciso ter cautela na hora de reintroduzir a rega.
Inicialmente, você irá apenas pulverizar de forma que o substrato fique levemente úmido, sem encharcá-lo.
Quando as raízes estiverem desenvolvidas, você pode passar a dar água abundante (nos cuidados da fase de crescimento - descrita acima).



UMIDADE:
Na região de onde é originário, este Dendrobium recebe bastante umidade.
Nos períodos de chuva de 70 a 80%, ou seja, alta umidade do ar.
Mesmo nos períodos de estiagem (sem chuva e clima mais frio), a umidade ainda é bem elevada, em torno de 50 a 60%.
Por isso, quando retirarmos a rega, é importante manter uma ótima umidade do ar!
Na fase de crescimento devemos aumentar bem a umidade do ar, para isso, você pode usar a minha dica de como aumentar a umidade do ar.





ADUBAÇÃO:
A adubação deve ser frequente nos meses de crescimento.
Se quiser saber mais sobre adubação, clique aqui.



LUMINOSIDADE (LUZ NATURAL):
Na fase de crescimento, precisam de bastante luz, mas, eu não indico o sol direto no exemplar. O ideal é que estejam em local com muita luminosidade natural, mas sem exposição aos raios solares.



LOCAL DE CULTIVO E SUBSTRATO:
O Dendrobium thyrsiflorum pode ser cultivado em árvores, placas, vasos de barro e até cachepôs.
O ideal é que quando cultivado em vaso, o substrato seja grosso para facilitar a aeração, ou seja, ele deve permitir a secagem o mais rápido possível, evitando que as raízes fiquem úmidas por muito tempo.
As raízes precisam se secar rapidamente e completamente entre as regas!



FASES:
Nem toda espécia de Dendrobium apresenta período de repouso definido, mas esse é o caso do Dendrobium thyrsiflorum e outros (Den. acinaciforme, aduncum, amoenum, aphyllum ou pierardii, chrysotoxum, densoflorum, draconis, agregatum ou lindley, nobile, pendulum ou crassinode...).

O período de repouso é essencial para essas espécies, pois é nele que acontece a formação dos botões florais.



Fonte das fotos: imagens do google.

55 comentários:

  1. Oi Cinthia
    obrigada pelas ótmas informações, apanho com eles.
    abraços e uma linda tarde

    ResponderExcluir
  2. boa tarde cintia como adubar minhas orquideas com npk sem que elas fique desidratadas e ate umas chegam a morrer.comprei npk para ajudar no enraizar da mesma mas o bulbo amarelou e por meno que seja a quantidade do adubo sempre acontece a mesma coisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você está adubando na quantidade recomendada?
      Quanto você usa??
      Qual o adubo??

      Excluir
  3. Reportagem fantástica, parabéns! Sugestão: coloca o link para essa matéria, Dendrobium, lá em cima no menu, do lado das outras. :)

    ResponderExcluir
  4. Muitoooo legal!!! Eu tinha muitas dúvidas sobre esse tipo de orquídea!!!

    ResponderExcluir
  5. Oi Cynthia,
    eu tenho uma Denphal e estou me dando muito bem com ela, a floração já dua mais de um mês (apenas duas flores branquinhas)... estou muito satisfeita. Como meu relacionamento com a Denphal está indo bem, estou pensando em adquirir uma segunda planta e quero a sua sugestão para saber quais tipos de orquídeas são boas para iniciantes?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nanda,
      Tb acho a DenPhal linda!
      Minha sugestão para quando se inicia o cultivo é procurar por orquídeas que tenham pseudobulbos, pois são mais resistentes.
      Pseudobulbos são essas partes gordinhas que ficam logo abaixo das folhas.
      Eles funcionam como reserva de água e de nutrientes.
      Beijos,
      Cynthia

      Excluir
  6. eu uso aquele adubo azul petter para enraizar e florir por menor quantidade elas queima e morre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você está adubando no sol??
      Se a quantidade de adubo está de acordo com a indicada e o tempo de intervalo entre as adubações tb, pode ser o sol.
      Avalie isso.
      Beijos,
      Cynthia

      Excluir
  7. Chyntia, boa tarde!
    Adoramos a foto da Dendrobium thyrsiflorum, temos uma em nossa residencia e com a exuberância de flores que este vaso apresenta resolvemmos mandar para um orquidário para recupera-la. Esperamos que em breve poderemos admira-la também
    Luiz Bueno - Cotia - SP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiz,
      Torço por isso!
      É uma linda planta e uma orquídea florindo alegra nossos corações!!
      ötima semana!
      Cynthia

      Excluir
  8. Olá Cynthia! Eu tenho esse Dendróbium adquirido recentemente, e no mês agora de setembro, ela surgiu com duas hastes florais, já está cheia de botões! Como fazer as regas nesse período e depois da floração?
    Agradeço desde já!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carioca,
      A rega deve ser espaçada, pois quando estão em flor, consomem menos água. Após a queda das flores, molhe sempre que estiver quase seco o substrato.
      Beijos,
      Cynthia

      Excluir
    2. Obrigada Cynthia! Mas uma dúvida, eu posso seguir as regas como orientado no "como fazer a Dendróbium florir?"
      obrigada, beijos.

      Excluir
  9. Boa noite cyntia! Aqui é Agenor
    Comprei uma thyrsifolium aqui em Curitiba, porém estou a levando para a cidade de aracaju, no nordeste!!!!
    Será que ela se adaptarà bem e darà flores?
    A umidade lá é elevada, porém temos temperatura que varia de 28 a 22!!!!

    Parabéns pelo blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só protege mais do sol intenso e procure colocar em lugares frescos, que tenham ventilação e de preferência com bastante planta, para aumentar o frescor e a umidade.
      Beijos,
      Cynthia

      Excluir
  10. seu blog é maravilhoso. acabei de comprar meu primeiro dendrobium (dendrobium phalaenopsis) chamam de denphal . estou muito feliz ele é muito bonito e me indicaram esse para iniciantes, estou adorando mesmo, sei que depois da floração ele seca, queria saber se depois eu espero ele florir novamente ou só retiro os brotinho ? Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Frodo, que legal que indicaram meu blog!
      Depois da floração, deixe-a quietinha por 1 a 2 meses, até você perceber que tem novas raízes, novo bulbo, ... Isso significa que ela saiu do período de hibernação (q acontece durante a após a floração). É hora de adubar.
      Aconselho que no começo vc use um adubo de manutenção, pois é equilibrado. Eles são encontrados na formulação 10-10-10 ou 20-20-20.
      Leia o rótulo e siga as orientações.
      Bjs,
      Cynthia

      Excluir
  11. Olá Cynthia.
    Moro em Recife, cidade ao nível do mar e tenho uma planta desta. Lí que ela vem de locais com altitude entre 900 e 1800m. Assim sendo, acho que nunca vou conseguir ver flores aqui. O que vc acha disto?

    Abraço,

    Roberto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Roberto, se vc está num local fora do habitat da orquídea é mais difícil ela florir, mas não impossível. Já vi gente cultivando Phal (clima mais quente), no Rio Grande do Sul e tendo sucesso.
      Siga as recomendações para esta espécie e tente criar um espaço o mais próximo possível das necessidades dela.
      Bjs e boa sorte.
      Cynthia

      Excluir
  12. Amei todas as explicações, tenho alguns ja formados e outras novos com esse ensinamento vou poder cuidar melhor deles.
    pena que eles fica so uma semana com flores., mas eu acho que falta de adubo.
    para o proximo ano quero ver a diferença.
    obrigada Cynthia
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sonia, adubo realmente faz bem a diferença, mas a floração deles não é mt longa.
      Bjs, Cynthia

      Excluir
  13. ol[a tenho um demdobrium agregatum,acho que es€ta morrendo.Preci€so de ajuda pois€ quando comprei e€stava cheio de flores€ ,e agora e€sta com os€bulbos€ amarelados€ e €sem vida tem un€s doi€s s€o que es€t'ao verdes€,vc pode me €socorrer es€tou muito tris€te,ja tentei de tudo e n'ao con€sigo fazer com que ela de €sinal de vida €socorroooooooooo... obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você não escreveu seu nome. Que pena!
      Os Dendrobium, em geral, ficam com a aparência de seco e de quase morte, mas passado alguns meses ele volta.
      Não desista da sua orquídea! Adube após o período de hibernação e mantenha os cuidados com a rega.
      Bjs, Cynthia

      Excluir
  14. Oi Cynthia
    Por favor será que vc pode me ajudar, ganhei uma planta que parece uma Dendrobium, só que na haste nasce raiz, quem me deu disse que é uma orquídea será mesmo que é? Aguardo sua resposta.
    Obrigada, Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adriana, vc tem a foto dela publicada em algum site na internet (facebook, instagram, pinterest, google +)?
      Eu gostaria de dar uma olhadinha.
      Será que não é alguma mudinha?
      Em todo o caso, manda o link da foto para mim.
      Bjs, Cynthia

      Excluir
  15. Olá.
    Tenho uma muda de dendrobiunn agregatun ha dois anos,porem nunca floriu.
    Moro em São Paulo.Uso adubo da forte especial para orquideas.
    O vaso esta em uma varanda de meu apartamento,com muito sol e claridade,porem a protejo dos sol.
    Gostaria muito de ve-la florir.
    Agradeço por uma orientação.
    Maria Helena.
    mhsalvego@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria Helena,
      Este gênero é do tipo que gosta de ficar pendurada, então, amarre uns arames no vaso e pendure a sua "menina".
      Elas gostam daquelas caixinhas de madeira, que é muito usada para Vanda.
      O substrato ideal é a casca de pinus em tamanho médio ou grande.
      Também pode ser Cultivada sem substrato em placas, mas nesse caso vão consumir mais água.
      Se estiver em vaso comum, observe se o substrato é de secagem rápida, pois como retém mais umidade, não convém substrato que tb segura umidade.
      A adubação deve ser regular (mais em quantidade menor que a da embalagem, dilua apenas a metade do recomendado), mas deve ser interrompida durante o inverno. Nesta época inclusive, deve ter as regas diminuídas.
      Bjs e boa sorte!

      Excluir
  16. Muito bom seu blog...Sou apaixonado por orquídeas...amei sua matéria sobre a UTI tenho uma q coloquei na UTI só q coloquei em um saquinho plástico como tinha visto em um vídeo no YouTube ...
    Estou seguindo seu blog...eu tenho um blog de artesanatos se puder me seguir agradeço... artsbruno.blogspot.com.br...
    Obrigado

    P.S: tenho 31 orquideas diferentes,cada uma de uma cor...

    ResponderExcluir
  17. Bom dia, adorei as dicas, pois comprei uma Dendrobium thyrsiflorum, e flor mesmo foi qdo trouxe pra casa, depois ela até soltou um novo broto e só... agora vou seguir suas dicas e quero muito tê-la florida novamente pois é simplesmente LINDA. Ela estava no vaso de plástico (preto) o mesmo de qdo comprei, acabei trocando por um vaso de barro esses dias mesmo, suas raizes estavam completamente envolto do vaso, fora essas dicas vc teria alguma dica pra me dar??? Parabéns pelo BLOG q é perfeito!! bjuss e um lindo domingo pra vc!! Silmara sou de Sumaré interior deSão Paulo

    ResponderExcluir
  18. Olá.
    Adorei seu blog e suas dicas!!! Mas estou com uma dúvida e gostaria de compartilhar com você.
    Ganhei uma Dendrobium há um ano, e ela veio repleta de folhas. Depois de três meses, fazendo as regas a cada dois dias, as folhas caíram e não surgiu nenhuma flor. Me falaram para replantar, e replantei em outro vaso, porque o anterior rachou. Porém, lendo aqui as dicas de cultivar orquídea, verifiquei que não coloquei substrato próprio para orquídea, coloquei brita no fundo do vaso de plastico, e fui acrescentando terra, até cobrir toda a raiz da Dendrobium. Depois de replantá-la (isso foi em maio), brotaram vários ramos pequenos verdes, saindo das hastes e da raiz, mas até hoje não saiu nenhuma flor, nem sei como é a flor da minha orquídea. Será que preciso replantá-la, retirando a terra e colocando substrato? E o certo é deixar somente substrato, ou posso misturar terra ao substrato?
    Outra dúvida, é que duas hastes murcharam, isso é normal, ou o que posso estar fazendo de errado? Obrigada!
    Aguardo sua resposta.

    ResponderExcluir
  19. Cynthia, usei suas dicas mas não foi dessa vez. Fiz alguma coisa errada, tenho a impressão que molhei mais do que devia. Agora já está esquentando no sul, apesar das noites frias. Vou esperar ano que vem

    ResponderExcluir
  20. Cyntia,boa tarde. ganhei uma orquídea sem nome, gostaria de enviar foto para q vc possa me dizer se realmente é orquídea, bjos obg.

    ResponderExcluir
  21. Cyntia, em que época a thyrsiflorum floresce, para ver se ainda tenho chance. Em dois sites me dão epócas diferentes, outubro e dezembro. Moro no RS.

    ResponderExcluir
  22. Oi Cynthia, meus dendobriuns estao todos em vasos de fibra de coco e placas de fibra de coco, os que eatao nas placas eu tb coloquei um pouco de esfagno e por cima p segurar as raizes com o esfagno coloquei uma manta de fibra, minha dúvida é a seguinte: eu deixo nos casos e nas placas ou troco para pequenos troncos?? E se for p trocar para os troncos posso fazer nessa época??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aliny,
      Conheço muita gente que tem sucesso com a fibra de coco.
      Se elas estão reagindo bem, não tire-as de lá.
      Se elas ficarem em troncos, sem substrato, exigiram mais regas que as de vaso e as que estão em placas com esfagno.
      Por que você quer trocar?
      A melhor época de trocar de vaso é qd está nascendo brotos ou raízes novas.
      Geralmente 1 ou 2 meses após a queda das flores, mas isso depende do gênero e da espécie.
      Bjs, Cynthia

      Excluir
    2. https://www.facebook.com/ALINYTA/posts/522205227891354

      Excluir
    3. Postei as fotos p vc ver, a dendobrium q esta pendurada, a cumprida, tenho medo q ela nao aguente o peso e caia

      Excluir
    4. Aliny, não sei a aparência que elas tinham antes da troca de vaso.
      A Dendrobium vai muito bem em troncos e madeiras em geral.
      A melhor fase para mudar de vaso ou forma de plantio, é mais ou menos 1-2 meses após a queda das flores.
      Não convém ficar em curto tempo trocando de vaso.
      Se vc não percebe nenhum inconveniente no vaso, deixe-a lá e observe. É comum assim que reenvasa amarelar e perder algumas folhas, ok?
      Bjs, Cynthia

      Excluir
  23. Olá Cinthya! Acho suas dicas maravilhosas. Obrigada por nos ajudar, não sabe como nos ajuda. rsrs Queria te fazer umas perguntas...acabei de comprar uma dendrobium agregatum, como estamos nessa época(outono,inverno) devo adubá-la?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciana, obrigada pelo carinho! :)
      Existem controvérsias sobre isso. Algumas pessoas espaçam mais a adubação (1 vez no mês ou metade da dosagem a cada 15 dias), e tem quem suspenda completamente.
      Eu não adubo no inverno. Só adubo na fase de crescimento dos brotos.
      Não quer dizer que só o meu jeito é certo, ok!
      Beijos, Cynthia

      Excluir
  24. Olá cynthia, boa tarde! meu nome é marcia, tc do espirito santos. adora seu blog. Em agosto de 20011 comprei, um agregatum pela internet e o mesmo veio em um toquinho de madeira. cuido bem dele e hoje ele se encontra em um chapeco de madeira. O que gostaria de saber é se ele já é adulto para dar flor. agora ele esta na escacez mesmo eu n sabendo pulverizo sempre as quinta feiras . agradeço bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcia,
      Não seu se ela é adulta. Eles não disseram quanto tempo ela tinha?
      De qualquer forma, cuide bem dela, q qd for a época, irá florir.
      Bjs, Cynthia

      Excluir
  25. Olá chinta agrç sua resp.

    ResponderExcluir
  26. cyntia como faço para te enviar uma foto de uma orquidea. entao gostaria de saber se posso mante-las juntas em uma mesma casca de madeira. uma é cattleya e a outra já na sei nunca floriu. me ajude. obg marcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcia, o ideal é que cada orquídea fique no seu próprio espaço.
      As fotos podem ser publicadas em algum perfil da internet (escolha privacidade pública). Depois cole o link das fotos aqui.
      Bjs, Cynthia

      Excluir
  27. legal adorei as dicas, como vi que vc conhece bem orquídeas, resolvi te fazer uma pergunta, tenho algumas orquídeas, e resolvi colocar um adubo orgânico que comprei em uma feira, coloquei um pouquinho na lateral do vaso, mas percebi que se formou um mofo branquinho em cima dele, será que é prejudicial a orquídea, ou é assim mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é prejudicial, pelo contrário.
      Os adubos orgànicos precisam fermentar, é esse processo que garante a absorção dos nutrientes. Ele é considerado adubo de absorção lenta, e só precisam ser reposto, geralmente, a cada 6 meses (veja no rótulo).
      Os adubos químicos, são de adubação imediato, por isso tem que ser usados frequentemente (geralmente a cada 15 dias).
      Espero ter esclarecido sua dúvida.
      Bjs, Cynthia.
      OBS: vc esqueceu de colocar seu nome. ;)

      Excluir
  28. Ola queria saber se poço plantar duas mudas de dendobrium thyrsiflorum juntas num vaso de madeira é um ele é feito de um tronco de seringueira mas ja esta bem seco tenho um com olha de boneca e tá bonito obrigado beijos.

    ResponderExcluir
  29. Qual o fertilizante indicado para esta espécie de dendrobium?

    ResponderExcluir
  30. Cynthia Blanco...cortei os bulbos de uma dendobrium que, estavam numa arvore mo litoral, estavam amarelados. Não sei se já tinham dado flores. Tem uns 20 mais ou menos. Meu objetivo era fazer mudas para lantar num tronco de quaresmeira que consegui. Após cortados é que percebi pntinhos verdes em varios lugares dos bulbos e um tinha até 2 botões de flores. Acho que fiz besteira...comofazer agora? Será que cortei logo quando iram florir? Como agora fazer mudas? Posso amarrar no tronvo, mesmo sem raizes? Esses bulbos não tem folhas...por favor me ajude...agradeço muito... Diva Pires.

    ResponderExcluir